1ª. Unidade de Policiamento Ambiental pode ser implantada em Boa Esperança

setembro 01, 2018


O comandante de Policiamento Regional (CPR 1), coronel Héldson Tomaso, esteve nesta sexta-feira, 31, no distrito de Boa Esperança onde reuniu com lideranças locais para a possível implantação da primeira Unidade de Policiamento Ambiental no interior do Estado. Uma área do Maicá também está sendo estudada.
De acordo com o coronel Tomaso, após a aprovação do decreto para a criação da primeira Companhia Independente de Policiamento Ambiental em Santarém, agora, estão sendo feitas análises dos espaços onde, possivelmente, será construída a Unidade. “Para que os resultados sejam imediatos e positivos, a ideia é que a sede fique localizada em uma área distante da zona urbana”, explica.


No Pará, o Comando de Policiamento Ambiental, tem apresentado resultados positivos nas regiões de atuação, como a redução de desmatamento que ocorrerem em áreas de rios e ilhas. 
Em Santarém, cerca de 25 policiais estão capacitados para atuarem nesse tipo de policiamento que, entre outros, tem como atribuições a fiscalização das explorações florestais, do transporte de produtos e subprodutos florestais, dos desmatamentos e das queimadas. Além de coibir as atividades poluidoras do meio ambiente e implementar campanhas educativas na área ambiental.
A Companhia Independente de Policiamento Ambiental (CIPA) ficará subordinada administrativamente ao Comando de Policiamento Ambiental (CPA), em Belém e, operacionalmente, ao Comando de Policiamento Regional I (CPR I), em Santarém.
Na próxima terça-feira, o comandante geral da Polícia Militar do Pará, coronel Hilton Benigno, deve visitar Santarém com o objetivo de fazer fiscalização e rotina interna.

Por: Núbia Pereira

Você pode gostar também

0 comentários

LER TAMBÉM:

Like us on Facebook

Flickr Images

Subscribe