Encontro de Gerações marca a primeira noite do Çairé 2018

setembro 21, 2018


A essência tradicional religiosa da fusão do catolicismo e dos indígenas Borari, na Vila de Alter do Chão são mais evidentes no Rito Religioso, no período do Çairé, elementos católicos com ritos nativos. As cenas religiosas, a invocação da Santíssima Trindade - Deus Pai, Filho e Espírito Santo - pelos personagens como as rezadeiras, mordomos, mordomas, Saraipora, Capitão são destaques e impressionam o público. Na primeira noite do Çairé 2018 as manifestações de Fé repetiram-se e renderam elogios pela participação da terceira idade e pela inclusão social com a apresentação de dança na Língua Brasileira de Sinais (Libra) do Projeto "Mãos que bailam".


A manifestação do Rito Religioso proporcionou o encontro de gerações e a preservação do momento histórico da Fé por meio da música religiosa. "Extraordinário a musicalidade do rito religioso, a ordem das entradas e saídas do barracão do Çairé, as ladainhas cantadas em português e latim, impressionante o envolvimento dos jovens e dos idosos. Essa atuação é importante para manter a tradição. Aqui vemos a imposição religiosa quanto a catequização indígena que é interessante ao contexto histórico. Esse cenário colorido lembra as festas juninas, as estrutura de palhas é bem particular da Amazônia", destacou em detalhes Nayara Borges, pesquisadora de educação alternativa, natural de Franca (SP).
Enquanto o Rito Religioso se desenvolvia na Praça do Çairé, no Lago dos Botos a participação de noventa idosos alegrou a dança da Lenda da Vitória Régia ao ritmo do carimbó. Desses, quarenta são do Centro de Convivência do Idoso (CCI) e cinquenta, com a participação de mais cinco adolescentes, do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Alter do Chão.


A apresentação iniciou com a leitura do histórico do Cras ao som instrumental da música Marambiré. Idosos e adolescentes homenagearam o tradicional grupo musical Espanta Cão de Alter do Chão com a apresentação do pandeiro e cavaquinho, principais instrumentos dos músicos. Em seguida, dançaram a desfeiteira, o curimbó e o xote do consagrado grupo.
Projeto "Mãos que Bailam"
O Projeto tem parceria da empresa privada Superação, das Escolas Municipais Francisca das Chagas da comunidade Urumanduba e Antônio de Sousa Pedroso da Vila de Alter do Chão/Escola Indígena Borari. Foi a primeira vez que uma dança na Língua de Sinais Brasileira (Libras) foi exibida na Festa do Çairé. O grupo é formado por 72 dançarinos, sendo 25 surdos. Destes, quinze são nativos da Vila de Alter do Chão.
Segundo a professora da Escola da Comunidade Urumanduba Letícia Lobato é a primeira vez que a iniciativa da inclusão social de integrar deficientes auditivos em uma apresentação artística cultural é realizada em Santarém. "Isso é importantíssimo para que os estudantes surdos possam participar cada vez mais como protagonistas da arte cultural. Ficamos felizes pela oportunidade de apresentação no Çairé 2018", destacou emocionada a professora.
Da arquibancada, a turista do Rio de Janeiro Ruth Costa aplaudiu a apresentação na linguagem de sinais, mãos levantadas em movimentos giratórios. "Parabéns aos organizadores do evento pela contribuição e respeito as pessoas surdas, uma demonstração maravilhosa da inclusão social".


Momentos mais tarde na Praça do Çairé houve a valorização dos artistas locais: Walluc&El Puxirum com repertório regional. Já no Lago dos Botos, estiveram as exibições do Ritual indígena dos Povos Borari com envolvimento de outras etnias, Carimbó Beira de Rio, Carimbó Beira de Rio da Vila de Alter do Chão, encerrando com a Banda Forró do Ricardão.
Confira a Programação desta Sexta-Feira, 21.
05h00 - Alvorada | Fogos (Praça do Çairé)
07h00 - Café da Manhã (Praça do Çairé)
12h00 - Rito Religioso | Folia | Almoço Rito Religioso (Praça do Çairé)
14h00 - Carimbó - Cumaru (Praça Sete de Setembro)
16h00 - Carimbó - Kuatá (Praça Sete de Setembro)
18h00 - Folia (Praça do Çairé)
19h00 - Ladainha | Procissão ao Redor do Mastro | Cerimônia Beija Flor (Praça do Çairé)
20h00 - Jantar Rito Religioso (Praça do Çairé)
20h00 - Show Atração Local - Vicente Filho & César Brasil + Atração local (Palco Externo Praça do Çairé)
21h00 - Show Amazonas do Tapajós - 06 Cantoras + Sebastião Tapajós (Lago dos Botos)
22h30 - Show Dedim Gouveia (Lago dos Botos)
00h00 - Banda Amazon Beach (Lago dos Botos)



Você pode gostar também

0 comentários

LER TAMBÉM:

Like us on Facebook

Flickr Images

Subscribe